Curso de Graduação em
Cooperativismo

Informativo

Estudante do curso de Cooperativismo apresenta Trabalho de Conclusão de Curso intitulado “Influência da certificação Fairtrade para o desenvolvimento de uma cooperativa de cafeicultores: análise a partir de cooperados da COORPOL”.

O estudante de Cooperativismo Adrik Bolandini defendeu, no último dia 27 de Outubro de 2021, o seu Trabalho de Conclusão de Curso (TCC) intitulado “Influência da certificação Fairtrade para o desenvolvimento de uma cooperativa de cafeicultores: análise a partir de cooperados da COORPOL”. O objetivo do trabalho foi compreender a influência da certificação Fairtrade para os agricultores cafeicultores associados a COORPOL.

 

A banca contou com a participação do professor do Departamento de Administração, Layon Carlos Cezar, orientador do trabalho, o professor Alan Ferreira de Freitas do Departamento de Administração e a professora Luana Ferreira dos Santos do Departamento de Administração.

 

Resumo do Trabalho:

O Fairtrade se trata de uma certificação baseada na relação entre produtores, comerciantes e consumidores, incentivando práticas produtivas éticas e melhorando a margem de renda dos produtores agrupados em organizações de cunho associativo. Na atualidade, ainda é baixo o número de pesquisas capazes de apontar a eficácia da certificação onde se insere como modalidade comercial, deixando lacunas no que se refere a influência da certificação para os associados das organizações cooperativas. Neste contexto, o estudo em questão buscou compreender a influência da certificação Fairtrade para os cafeicultores associados à Cooperativa Regional Indústria e Comércio de Produtos Agrícolas do Povo que Luta – COORPOL. A pesquisa de cunho qualitativo foi realizada por meio de entrevistas semiestruturadas, realizadas com sete 7 associados da cooperativa. Utilizou-se como metodologia de análise dos dados, a técnicas de análise de conteúdo. As categorias foram definidas à posteriori, sendo elas: Aspectos organizacionais, Obrigações do produtor e Impactos Socioeconômicos. A pesquisa revelou que a certificação não atende uma das suas principais características, o acesso ao mercado de forma justa, que acaba sendo guiado pelas tendências de mercado por meio através da bolsa de New York. Também foi possível observar o impacto da certificação em relação ao desenvolvimento educacional dos associados, abrindo portas de oportunidade para ganho de conhecimento.



SAIBA MAIS SOBRE A UFV

Equipe de Desenvolvimento Web/UFV - 2013 - Mantido com Wordpress